quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Nova teoria tem Núcleo de Pesquisa na PUC-SP e ganha dimensão internacional



Começa a ganhar força nos meios acadêmicos de São Paulo e do país as pesquisas do Núcleo de Pesquisa do Capitalismo Humanista, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Lideradas pelos professores Dr. Wagner Balera e Dr. Ricardo Sayeg, autores do livro “O Capitalismo Humanista”, os resultados deste trabalho consolidam um novo enfoque sobre a Economia e o Direito.
A teoria do Capitalismo Humanista, idealizada por Sayeg, Livre-Docente em Direito Econômico pela Faculdade de Direito da PUC-SP e advogado militante, têm motivado importantes discussões acadêmicas e contribuído para a reflexão dessa nova teoria do Direito que analisa os aspectos jurídicos do capitalismo, em harmonia com os direitos humanos e sociais.
O novo conceito apresenta os fundamentos teóricos do direito econômico humanista, diante da prevalência do capitalismo planetário e, sob esta perspectiva júris-econômica, analisa a incidência multidimensional dos direitos humanos e sua repercussão no direito pátrio.
O trabalho, cujas orientações doutrinárias começam a ser citadas em decisões judiciais da Justiça do Trabalho, já rendeu a Ricardo Sayeg a indicação para coordenar um grupo de estudos do Centro de Pesquisas Jurídica de Defesa da Dignidade da Pessoa Humana, da Universidade de Lisboa.
Composto por juristas de renome internacional, como o diretor do Centro, Jorge Miranda, e o diretor da Faculdade de Direito da Universidade, Eduardo Vera Cruz Pinto, também conselheiro da OTAN, o grupo estudará os sistemas jurídicos de vários países da Europa, em função da crise financeira que afeta a credibilidade e a segurança jurídica de seus sistemas de crédito.
A Associação de Pós-Graduandos da PUC SP lançou uma edição especial da sua revista para comemorar o crescimento da teoria no debate acadêmico. Os interessados devem enviar seus artigos até 26 de março de 2012. (Edital: http://www.vidajuridicaacademica.com/2012/02/chamada-de-artigos-da-revista-da-apg.html)
Quem quiser conhecer mais sobre o tema pode acessar a página do Núcleo de Pesquisas na internet (http://www.pucsp.br/capitalismohumanista/index.html).


Nenhum comentário:

Postar um comentário